BANNER

.: Twitter do Blog :.

Tecnologia do Blogger.

quinta-feira, 14 de junho de 2012

'Só deixo o posto de rainha quando não me quiserem mais', diz Valeska Reis.


Fim do mistério. Valeska Reis, assistente de palco do Programa "Melhor do Brasil" da "Rede Record" e rainha de bateria da escola de samba Império de Casa Verde em 2012 confirmou que continuará o seu reinado na agremiação da zona norte da cidade no desfile do próximo ano.
A musa revela estar bastante feliz e realizada em desfilar a frente dos ritmistas da batucada comandada pelo mestre Zoinho.
"Estou muito feliz pois desde o primeiro momento em que pisei na quadra me senti em casa. É um casamento que deu certo. Só vou sair quando não me quiserem mais", afirma.
Apesar de brilhar semanalmente na televisão, Valeska Reis possui uma trajetória e história marcante no mundo do samba. Tudo começou em 2001, quando desfilou na Nenê de Vila Matilde.
"Eu desfilei ao lado do meu pai na ala de compositores. Foi com ele que eu aprendi a gostar de samba. Naquela época, minha mãe tinha medo de me deixar desfilar sozinha." 
Era apenas o começo de uma trajetória de sucesso e fidelidade a folia paulistana. Um dos momentos mais marcantes em sua carreira, foram as vitórias nos concursos.
"Um momento marcante foi o primeiro concurso em que participei pela Acadêmicos do Tatuapé. Naquele ano, concorri com meninas já experientes e consegui ganhar o posto de rainha da bateria de 2005."
No ano seguinte, Valeska não desfilou, mas passou a realizar shows de samba. Em 2007 faturou mais um concurso, tornando-se rainha de bateria da Vila Maria.
Um ano depois, representou a Unidos de Vila Maria no concurso para eleição da Corte do Carnaval Paulistano. Adivinha o resultado?
"Inicialmente não queria participar por achar que não estava preparada, afinal a disputa estava muito acirrada. Acabei aceitando o convite. No decorrer do concurso, enfrentei muitas dificuldades, o que me fez lutar muito pelo título. Não tinha condições financeiras para arcar com uma produção que fosse comparável ao trabalho feito pelas concorrentes."
Emocionada, Valeska comenta que quase desistiu de participar deste concurso.
"Quase tirei meu nome do concurso. Eu estava desistindo de tudo quando surgiu uma pessoa maravilhosa e que me ajudou muito, o Luly Cow. Ele me deu muita força e foi fundamental para que eu me tornasse rainha do Carnaval Paulistano de 2008. Foi um momento mágico em minha vida e que se tornou inesquecível."
Depois do reinado, passou a frequentar a Mancha Verde, agremiação em que brilhou por três anos consecutivos como musa da ala de passistas.
No ano passado, Valeska recebeu o convite para ser rainha de bateria da Império de Casa Verde. Além de trocar de escola, teve como desafio substituir a dançarina Gracyanne Barbosa que esteve a frente da bateria do Tigre por quatro anos.
Com comprometimento, fidelidade ao pavilhão azul e branco e presença em praticamente todos os eventos da escola, Valeska Reis conquistou a comunidade da Casa Verde e foi considerada pelos sambistas como um dos destaques da "Caçula do Samba" no desfile de 2012.
"Estou louca para que comece tudo de novo. É sempre muito boa a troca de energia com as pessoas que participam das festas e das atividades da Império de Casa Verde. O Carnaval faz parte da minha vida. Lavo minha alma e me sinto realizada", finaliza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Blogger news

Coloque seu Email aqui:

Delivered by FeedBurner

Blogroll

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to Spanish